Passageiros da Varig são presos por ameaças a bordo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de abril de 2004 as 12:24, por: cdb

Dois espanhóis que viajavam de São Paulo para Madri foram presos na manhã desta quinta-feira em Madri por terem ameaçado explodir um avião da Varig. Os dois homens, que se identificaram como integrantes do grupo separatista basco ETA, agrediram verbalmente os passageiros e a tripulação. Chegou a ser comentado que os dois eram cidadãos brasileiros, mas a informação foi corrigida logo depois.

A Varig informou que os dois incomodaram os passageiros durante o vôo, o que levou a tripulação a não servir mais bebidas à dupla. Em seguida, eles ameaçaram explodir o avião e chegaram a ameaçar verbalmente uma comissária.

Os homens não foram identificados. Diante do tumulto, o comandante acionou a polícia espanhola, e, no desembarque no Aeroporto Internacional de Madri-Barajas, eles foram detidos.O MD-11 da Varig tinha partido quarta-feira de São Paulo para Madri com 184 passageiros a bordo.