Parceria da Secretaria de Assistência Social de Cuiabá e Sesc beneficia 300 crianças do Peti

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de março de 2012 as 08:14, por: cdb

 

Uma parceria entre a Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano de Cuiabá (SMASDH) e o Sesc Mato Grosso tem possibilitado a 300 crianças  e adolescentes (na faixa etária de 7 a 15 anos e 11 meses), atendidas pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), a iniciação a práticas desportivas em espaços devidamente elaborados para essa finalidade. As atividades são realizadas no Sesc Balneário Coxipó.

A garotada atendida pelos Centros de Referência e Assistência Social (CRAS) dos bairros Tijucal, Getúlio Vargas, Nova Esperança, Pedra 90, Planalto, Pedregal, Jardim União e da unidade Lar Espírita Mário Corrêa, desenvolvem atividades de futsal, natação, basquete, vôlei e atletismo três vezes na semana.

O gerente do Peti em Cuiabá, Arão Ormond, explica que para o desenvolvimento das atividades, cada um dos estudantes recebeu um kit (contendo material pedagógico e para as práticas desportivas, além de material de higiene pessoal). “Todas as atividades são devidamente orientados por professores ou estudantes de educação física. As atividades não se restringem a lazer, mas sim, a iniciação ao mundo dos esportes”, explica Arão, pontuando que em 2013 há possibilidade de que o convênio seja expandido para o atendimento de todos os cadastrados no Peti na capital.

Segundo Arão, antes de se deslocarem para as atividades no Sesc Balneário, a garotada recebe um lanche nas respectivas unidades e, posteriormente, ao término das atividades um segundo lanche. A SMASDH é responsável por realizar o deslocamento das meninas e meninos até o local para as práticas desportivas.

Arão pontua que toda criança ou adolescente tem de estar devidamente matriculado e frequentando a sala de aula para continuar as atividades. “Essa é uma condicionalidade do Programa, que realiza também o acompanhamento psicossocial das famílias de cada um deles”.

O Peti atende a cerca de 2,9 mil crianças e adolescentes da capital, que se encontravam em situação de vulnerabilidade social ou em situação de trabalho infantil. 

Maratoninha Caixa

O histórico de incentivo as práticas desportivas já é comum nas ações da coordenação do Peti. Neste mês, 100 crianças e adolescentes participaram do Circuito Maratoninha da Caixa Econômica Federal (CEF)2012, que terminou com duas premiações. Giaphany Florence da Silva, que concorreu na categoria até 12 anos feminina, recebeu uma bicicleta por obter o primeiro lugar. Ela é atendida na unidade do Peti que funciona no Centro de Referência e Assistência Social do Tijucal.

(Na categoria especial (feminina) até 12 anos, quem levou o primeiro lugar foi Thalita Izabeli Sampaio Bastos que é atendida pelo Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) do Getúlio Vargas). As medalhas foram entregues pelo medalhista de prata nas Olimpíadas de Sidney, em 2000, o velocista Cláudio Roberto Souza.

“Todos os participantes receberam certificados e medalhas pela participação”, conta Arão Ormond”.

Fonte:  Patricia Neves – SMASDH (65) 3645-6810