Paraná vai receber R$ 500 milhões do Programa de Agricultura Familiar

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 2 de julho de 2003 as 11:49, por: cdb

O Paraná deverá receber este ano do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) 67% a mais do que na safra do ano passado. São R$ 500 milhões que irão beneficiar cerca de 150 mil famílias no estado.

Segundo o secretário do nacional do Pronaf, Valter Bianchini, a consolidação da agricultura familiar está entre os quatro eixos das propostas do Ministério do Desenvolvimento Agrário, setor de fundamental importância para a política relacionada com o “Fome Zero” e com o desenvolvimento.

O ministério está colhendo sugestões dos estados para o Plano Plurianual (PPA 2004-2007).

Para o superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no Paraná, Celso Lisboa, um dos projetos que devem ser incluídos no PPA é o de recuperação de assentamentos abandonados.

– A transformação de assentamentos em favelas rurais é fruto de uma política do governo passado, que não se preocupou em consolidar o projeto – afirma.

Já para o coordenador da ONG Terra de Direitos, Darci Frigo, são necessárias medidas como o maior controle do cadastro de imóveis rurais, a atualização dos índices de produtividade e uma política voltada para a pesquisa e o cultivo de produtos agroecológicos.