Para Parreira, Brasil é favorito contra Paraguai

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 29 de março de 2004 as 19:56, por: cdb

O técnico Carlos Alberto Parreira acredita que o Brasil poderia passar facilmente pelo Paraguai se tivesse tido tempo para treinar e seus jogadores não fossem submetidos a tantos jogos por ano.

“Nós seríamos favoritos para esse jogo, por causa da condição técnica”, afirmou o comandante da Seleção Brasileira. “Mas alguns jogadores saíram de um frio muito grande na Europa e chegaram a um clima de quase 30º. Isso é muito complicado”, ressaltou.

O Paraguai tem nove pontos e lidera as eliminatórias para a Copa do Mundo de 2006. Por jogar em casa, Parreira acredita que o adversário da próxima quarta-feira criará sérios obstáculos para o Brasil.

“Vai ser um jogo equilibrado. Nós seríamos favoritos, mas eles jogam em casa e têm uma equipe muito bem montada”, alertou o comandante, que deu folga a seus jogadores na tarde desta segunda-feira.

A arma dos líderes das eliminatórias está também no entrosamento da equipe. Jogadores experientes como Arce e Gamarra, que formam a base da seleção paraguaia, já disputaram duas Copas do Mundo juntos.

Folga

Após a chegada a Assunção, os jogadores do Brasil ganharam a tarde de folga. Ronaldo e Kaká aproveitaram para jogar golfe em um campo da cidade paraguaia.

Carlos Alberto Parreira não ficou bravo com as atividades escolhidas por seus craques. “Recomendei a eles que descansassem na folga. Mas eles decidiram jogar golfe, e a tarde era livra para isso mesmo”, comentou.

A equipe brasileira treina nesta quarta-feira em Assunção. Será o único trabalho comandado pelo técnico antes da partida contra o Paraguai.