Para Dom Tomás movimento pela reforma agrária se assemelha à Diretas-Já

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 21 de novembro de 2003 as 00:56, por: cdb

O presidente da Comissão Pastoral da Terra, Dom Tomás Balduíno, comparou o movimento pela reforma agrária, que reúne diversas entidades, ao movimento Diretas-Já, ocorrido em 1984.

– O número de pessoas é menor, mas é uma marcha simbólica, onde há espaço para o consenso na sociedade brasileira e a união entre as organizações da terra. Por isso, acredito que o governo anunciará medidas favoráveis aos sem-terra – disse Dom Tomás, na expectativa do lançamento do Plano Nacional de Reforma Agrária, previsto para os próximos dias.

Dom Tomás Balduíno deu as declarações no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, na qual comentou a caminhada de mais de 200 quilômetros dos trabalhadores rurais de Goiânia até Brasília, que começou no dia 11 deste mês e terminou nesta quinta. No Parque da Cidade, estão acampados mais de três mil trabalhadores rurais sem terra.