Pará distribui cestas básicas a desabrigados

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de abril de 2006 as 12:58, por: cdb

A Defesa Civil do Pará começou a distribuir, nesta quarta-feira, cerca de 10 mil cestas básicas de alimentos enviadas pelo Ministério da Integração Nacional. Por causa das chuvas intensas que afetam a região, o Estado decretou situação de emergência para 17 municípios e situação de alerta para três municípios. No total, a Defesa Civil já contabiliza 23 mil famílias atingidas pela chuva. Destas, 1.084 famílias (cerca de seis mil pessoas) estão desabrigadas, ou seja, necessitam de abrigo estadual. Até o momento, sete pessoas já morreram. Três crianças em Porto de Moz, duas crianças e um idoso no município de Almeirim e uma criança em Altamira.

Coordenador de Defesa Civil do Pará, o coronel Orlando Frade diz que todos os esforços estão sendo feitos para manter a situação dos municípios sob controle.

– Hoje a estratégia é o que a gente chama de logística de transporte, fazer com que o recurso chegue às populações que precisam. A área de saúde está mobilizada, atendendo os municípios e recompondo os seus estoques de medicamentos, e o hipoclorito (substância que purifica a água) também está sendo distribuído – explica.

De acordo com Frade, os desabrigados já foram descolados para abrigos estaduais:

– Essas pessoas são a nossa preocupação prioritária. As pessoas que estão nos abrigos são muito pobres, não têm para onde ir e têm que passar esse período sob a proteção do município e do estado para que eles possam ao final retornar à sua condição de vida normal.

Os municípios em situação de emergência são: Tucumã, Anapú, Rondon do Pará, Porto de Moz, Almeirim, Itaituba, Prainha, Paraupebas, Água Azul do Norte, Eldorado dos Carajás, Óbidos, Marabá, Tucuruí, Novo Progresso, Altamira, Monte Alegre e Anajás. Estão em estado de alerta os municípios de Portel, Itupiranga e São João do Araguaia.

De acordo com o Ministério da Integração Nacional, as chuvas devem continuar na região. A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec) enviou um alerta ontem (18) informando sobre a possibilidade de chuva forte em áreas isoladas do Amapá, no nordeste do Pará e no norte de Tocantins. A Sedec recomenda que a população evite a permanência em zonas ribeirinhas, baixadas, morros e encostas.