Para Aldo ‘faltou convicção política’ para destrancar pauta da Câmara

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 10 de novembro de 2006 as 21:33, por: cdb

O presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PC do B), defendeu nesta sexta-feira um governo de coalizão para o próximo mandato e disse que faltou “convicção política” para destrancar a pauta no Congresso.

– O Congresso e a Câmara, principalmente, são a casa da polêmica. Vamos desobstruir a pauta e votar até o fim do ano não apenas as medidas provisórias como também a emenda do Fundo Nacional de Educação Básica (Fundeb), a Lei da Microempresa e o Orçamento 2007, que é nosso dever -, disse Rebelo.

Rebelo esteve na noite desta sexta na Fundação Armando Álvares Penteado (Faap), onde assinou um convênio de intercâmbio com a instituição na área de educação e cultura. Evitando qualquer polêmica, Aldo não assumiu sua candidatura à reeleição para a presidência da Câmara.

– Não entrarei na disputa nem sangrenta nem pacífica. A presidência da Câmara é muito mais resultado da articulação política e dos partidos -, finalizou.