Operário resgatado em elevador de prédio que desabou tem alta hospitalar

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 26 de janeiro de 2012 as 12:44, por: cdb
Desabamento
O operário que foi resgatado no desabamento de um dos prédios no centro do Rio teve alta nesta quinta-feira

Teve alta há pouco no Hospital Municipal Souza Aguiar o operário Alexandro da Silva Santos, de 31 anos, que foi resgatado na noite da quarta-feira pelos bombeiros, dentro do elevador do prédio de 20 andares – um dos três que desabaram na Avenida 13 de Maio, no centro do Rio.

Alexandro trabalhava em uma obra de reforma no 9º andar do prédio. O operário contou que ouviu um estalo e logo depois o prédio começou a ruir. Imediatamente, correu para o elevador, a fim de se proteger. Com Alexandro, trabalhavam na obra mais cinco pessoas.

Uma delas, Cristiane do Carmo, sofreu corte profundo na cabeça, foi submetida a uma cirurgia durante a madrugada, no Souza Aguiar, e agora passa bem, segundo a assessoria de imprensa da unidade, onde permanece internada.

Ainda no Souza Aguiar, continuam internados André Luiz de Souza e Marcelo Antonio, mais dois feridos no desabamento. Eles também estavam no prédio de 20 andares. Já Francisco Rodrigues, de 37 anos, recebeu alta ainda na noite passada. Ele estava passando pela calçada, na Avenida 13 de Maio, e sofreu ferimentos leves.