Ônibus voltam a circular nos Estados Unidos após suspeita de novo ataque terrorista

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 3 de outubro de 2001 as 10:12, por: cdb

A empresa de transporte rodoviário nacional dos Estados Unidos Greyhound suspendeu os seus serviços e paralisou a viagem de cerca de 2,3 mil veículos, em todos os Estados Unidos, após um ataque de um passageiro contra o motorista de um ônibus, de número n. 1115. O motorista foi degolado, perdeu o controle da direção e o ônibus capotou, provocando a morte de mais seis pessoas, segundo informações confirmadas pela polícia do Estado do Tennessee.

O ataque ocorreu próximo à cidade de Manchester, pouco antes das cinco horas da manhã (7h de Brasília). Segundo a rede de televisão CBS, o FBI assumiu as investigações para verificar se o fato está relacionado com algum atentado terrorista.

O ônibus havia partido da cidade de Nashville em direção a Atlanta, no Estado da Georgia. Até agora, foram contabilizados 32 pessoas feridas, além dos 10 mortos. Segundo um dos sobreviventes, o passageiro que atacou o motorista estava muito nervoso, pedindo troca de lugares com outras pessoas antes de atacar o motorista.

Falando pelo telefone celular, uma passageira, identificada como Carly Rinearson, disse à WTVF que um homem, com idade entre 30 e 35 anos, a abordou no ônibus, perguntando-lhe a hora. Em seguida, ele lhe pediu para trocar de assento, mas Carly se recusou.

“Logo em seguida, ele se aproximou do motorista e, parece, cortou-lhe a garganta”, acrescentou a passageira. “O motorista virou o volante e o ônibus tombou”.

Agentes do FBI – a polícia federal norte-americanas – foram enviados ao local do acidente para comandar as investigações.