No GP do Brasil, Vettel torna-se o tricampeão mais jovem da história da F1

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 25 de novembro de 2012 as 15:49, por: cdb

Vettel precisou apenas do sexto lugar na corrida para ficar em primeiro na classificação geral

O alemão Sebastian Vettel se tornou neste domingo o mais novo tricampeão da Fórmula 1, durante o Grande Prêmio do Brasil, em Interlagos (São Paulo).

Com a conquista, Vettel, de apenas 25 anos, foi consagrado o tricampeão mais jovem da história do esporte – trunfo que até então pertencia a Ayrton Senna.

Vettel, da equipe Red Bull, precisou apenas do sexto lugar na corrida para ficar à frente do espanhol Fernando Alonso na classificação geral.

Com três conquistas consecutivas (2010, 2011 e 2012), ele agora se iguala ao também alemão Michael Schumacher e ao argentino Juan Manuel Fangio.

Chuva e despedidas

Marcada por momentos de chuva e alguns acidente, a corrida foi vencida pelo britânico Jenson Button, da McLaren, seguido por Alonso, da Ferrari, e pelo brasileiro Felipe Massa, também da Ferrari, que ficou com o terceiro lugar.

Logo na largada, o carro de Vettel bateu no do brasileiro Bruno Senna, da escuderia Williams-Renault, deixando o alemão na última posição.

Como o carro de Vettel não sofreu grandes danos, ele conseguiu se recuperar durante a prova. Já Bruno Senna foi obrigado a abandonar a corrida.

O outro brasileiro em Interlagos, Felipe Massa se manteve durante toda a disputa nas primeiras posições e, no final, conseguiu subir ao pódio ao obter o terceiro lugar.

Além de Vettel, outro piloto celebrado pelo público em Interlagos foi Schumacher, da Mercedes. Vencedor de sete títulos na Fórmula 1 e aos 43 anos, ele terminou a corrida na em sétimo lugar e se despediu do esporte.

Já o inglês Lewis Hamilton teve de abandonar a corrida após uma batida, justamente na prova em que se despedida da McLaren, escuderia que defende desde que começou e pela qual foi campeão há quatro anos. Em 2013, ele vai correr pela Mercedes.