Negociações de rendição falham e começa o banho de sangue em Kunduz

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de novembro de 2001 as 01:21, por: cdb

A Aliança do Norte, que assumiu o controle de Cabul na semana passada, lançou uma ofensiva para tomar a cidade de Kunduz, no norte do Afeganistão, depois que as negociações para a rendição das forças do Talebã fracassaram.

De acordo com correspondentes, a situação é confusa na cidade. Há relatos de que alguns combatentes do Talebã estão se rendendo, mas apesar disso as forças da Aliança do Norte estariam avançando em direção a Kunduz.

O correspondente da BBC na região, Rupert Wingfield-Hayes, que está na cidade vizinha de Toloqan, disse que, antes do anoitecer, tanques da Aliança do Norte começaram a se dirigir a Kunduz.

Tropas do Talebã nas montanhas ao redor responderam com ataques de morteiros, mas logo foram atacadas pelos aviões americanos.

Rendição difícil

O canal de TV a cabo Sky News mostrou nesta quinta-feira imagens de centenas de soldados do Talebã entregando suas armas.

Mas não se espera que os cerca de 10 mil combatentes estrangeiros cercados na cidade junto com o Talebã desistam sem lutar. Estima-se que o grupo inclua até mil militantes ligados à organização al-Qaeda, de Osama Bin Laden.

Soldados da aliança são ainda mais hostis aos voluntários estrangeiros

Há relatos de que posições do Talebã em Khanabad, próximo de Kunduz, foram dominadas, atacadas pelos tanques da Aliança do Norte e pelos bombardeios americanos.

Negociações fracassadas

De acordo com a agência de notícias Reuters, o ministro do Interior da Aliança do Norte, Yunus Qaanuni disse que as negociações para a rendição do Talebã tinham fracassado.

Algumas horas antes, comandantes da aliança afirmaram que tinham feito um acordo com comandantes do Talebã para que eles depusessesm suas armas e se entregassem.

Mesmo depois do avanço sobre Kunduz, alguns comandantes da aliança continuaram afirmando que a rendição ainda era possível.

O correspondente da BBC Jon Sopel, que está dentro de Kunduz, disse que o avanço da Aliança do Norte pode indicar uma batalha pelo controle da cidade entre as diferentes facções da aliança.

Ajudada por pesados bombardeios americanos, a Aliança do Norte está cercando Kunduz por uma semana.

Corpos

A Cruz Vermelha diz que entre 400 e 600 corpos foram encontrados em Mazar-e-Sharif depois da tomada da cidade pela Aliança do Norte. Não se sabe como eles morreram.

Estão ocorrendo combates também em Maidan Shahr, uma aldeia a cerca de 30 quilômetros da capital, Cabul.

Tanques da Aliança do Norte estão tomando posições do Talebã nas montanhas ao redor da aldeia.