“Não fui à Seleção machucado”, diz Edmílson

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 2 de junho de 2006 as 11:49, por: cdb

O volante Edmílson, do Barcelona, negou que tenha chegado à Seleção Brasileira sabendo que estava com uma lesão no joelho direito. O jogador foi cortado na última quarta após o amistoso contra o combinado de Lucerna e substituído por Mineiro.

– Não fui à Seleção machucado. De maneira alguma eu continuaria sabendo que tinha uma esão e que podia jogar a Copa a 50% – disse Edmílson.

O volante do Barcelona passou na quinta-feira por uma cirurgia no menisco do joelho direito, no Hospital do Coração, em São Paulo. A previsão é que o jogador fique fora dos campos por 40 dias.

Edmílson já começará nesta sexta-feira a fazer fisioterapia no Reffis (Reabilitação Esportiva Fisioterápica e Fisiológica) do São Paulo, assim como aconteceu com Ricardo Oliveira.

O jogador descartou que a sua lesão tenha sido causada por um choque com o atacante Adriano durante os treinos em Weggis, na Suíça.

– A pancada com o Adriano foi na perna esquerda e eu operei o joelho direito. Foi uma jogada de treino e é absolutamente normal por estar todo mundo disputando uma vaga – completou.