Mudas de citronelas produzidas no Viveiro Municipal começam a ser distribuídas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012 as 13:02, por: cdb

(29/02/2012) – Meio ambienteMudas de citronelas produzidas no Viveiro Municipal começam a ser distribuídas

A Prefeitura de Ipatinga pretende distribuir à população cerca de mil mudas de citronela, repelente natural contra o Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue. Em 2011, a administração municipal, por meio da Infrater, adquiriu matrizes certificadas da planta que, desde o mês de setembro, são cultivadas no Viveiro Municipal. Mais de 2.500 mudas já foram plantadas nas 37 escolas públicas e 19 unidades de saúde do município.

Após o prazo de três meses, tempo necessário para o cultivo de outras mil mudas, a administração municipal anuncia a distribuição da citronela a partir desta quinta-feira (1º). A ação conjunta entre as Secretarias Municipais de Serviços Urbanos e Meio Ambiente e de Saúde faz parte da campanha “Citronela no Combate à Dengue”, mais uma iniciativa da Prefeitura de Ipatinga na luta contra a proliferação de focos do mosquito.

Os interessados em cultivar a citronela em suas residências devem realizar o cadastro no Departamento de Meio Ambiente (Demam), no 5º andar da Prefeitura. “Após o registro, uma autorização será entregue para que a pessoa busque a muda no Viveiro Municipal. Os cuidados necessários serão informados e a forma como multiplicar a muda também”, afirma o diretor do Demam, José de Arimatéia Lopes, o Tim.

O gerente de Parques e Jardins da Prefeitura de Ipatinga, Doriedson Botelho, explica que cada muda pode se multiplicar inúmeras vezes. “As pessoas podem cultivar e doar para parentes e vizinhos. A citronela é considerada um dos principais repelentes naturais. O cheiro exalado pela planta mantém os mosquitos afastados. É uma ótima medida para distanciar o transmissor da dengue de nós”, recomenda.

A secretária de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, Cláudia Brum, esclarece sobre os benefícios desta planta. “Quando plantada nos vasos ou canteiros, a citronela cresce cerca de 50 centímetros, criando uma barreira natural contra os mosquitos. Seus princípios ativos funcionam em conjunto para afastar os mosquitos. Vale lembrar que a citronela tem um odor agradável para os seres humanos, e é eficaz para manter os insetos à distância, que não suportam o aroma que a substância exala”, aclara.

Repelente
A citronela não é própria para chá, mas é um excelente repelente alternativo. Para fazê-lo é necessário colher as folhas verdes da planta, picá-las e colocá-las em uma embalagem de vidro ou de plástico de boca larga. Preencher com álcool 92 graus até cobrir as folhas picadas e deixar curtir por três dias. Posteriormente, coar a mistura e separar o líquido. Misturar o extrato meio a meio com água para evitar incêndios e a desidratação, quando usado na pele. Utilize no pano de chão úmido para passar na casa, entre outros. O extrato (sem água) também pode ser misturado em óleo de amêndoas 0,5l/100ml, para uso na pele, garantindo melhor fixação do repelente, que também pode ser usado (semanalmente) em animais domésticos para repelir moscas. Outras informações pelo telefone (31) 3829-8079.

Por: ACS/PMI