Morre o compositor cubano René Touzet

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 17 de junho de 2003 as 14:04, por: cdb

Os amantes do bolero e do cha-cha-cha estão de luto depois da morte neste fim de semana, em Miami, de René Touzet, um mestre da música que aos 16 anos iniciou uma longa carreira em que escreveu composições de fama mundial.

“Até o último momento foi uma pessoa muito produtiva”, disse nesta terça-feira a filha de Touzet, Olivia Touzet de Martínez, lembrando que o artista, que morreu de complicações cardíacas no último domingo aos 86 anos, criou sua última composição uma semana antes de morrer.

O legado musical de Touzet inclui mais de 500 canções, entre elas lendários boleros, e muitas foram interpretadas por gente do calibre de Frank Sinatra, Bing Crosby, Olga Guillot, Lucho Gatica e Pedro Vargas, entre outros muitos.

Touzet deixou a ilha em 1960, com a chegada ao poder de Fidel Castro, e após viver na Cidade do México, São Francisco e Nova York, se estabeleceu definitivamente em Miami.

Sua filha, ao recordá-lo, disse que sua vida fica simbolizada por uma de seus grandes canções, Oye, na qual o poeta escreveu: “Olhe, abre teus olhos, olha para cima, aproveita as coisas boas da vida”.