Moradores das favelas exigem melhor comportamento dos PMs no local

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 17 de junho de 2003 as 04:16, por: cdb

Moradores da Favela João Paulo II, no Complexo do Andaraí, também se queixam da truculência e de abusos de policiais do 6º BPM (Tijuca) durante operações na comunidade.

Segundo testemunhas, por volta das 14h de sábado PMs chegaram ao local atirando para o alto e provocaram pânico em mães e crianças, já que naquele momento estava sendo realizada a campanha de vacinação na localidade conhecida como Igrejinha.

Numa reação contra essas agressões dos PMs, moradores de várias comunidades pretendem pedir uma audiência com o secretário de Segurança Pública, Anthony Garotinho, para exigir um comportamento melhor dos policiais nas favelas.

– Não é possível que a gente tenha que suportar esses abusos e desrespeitos toda vez que um policial aparece na nossa frente – reclamou a professora Isis Cardoso, que coordena um programa pedagógico para crianças carentes desenvolvido pela Cooperativa dos Trabalhadores do Morro do Andaraí.

O relações públicas da Polícia Militar, major Frederico Caldas, ficou de levar aos comandantes dos batalhões as denúncias dos moradores.