Ministros reúnem-se com presidente do Supremo para discutir orçamento da Justiça

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 1 de setembro de 2011 as 19:25, por: cdb

Débora Zampier
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Três ministros reuniram-se hoje (1º) com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, para discutir a proposta orçamentária do Judiciário. Ontem (31), o governo entregou a proposta da Lei Orçamentária Anual (LOA) ao Congresso Nacional com corte no orçamento proposto pelo Supremo. O STF defende que somente os parlamentares têm essa prerrogativa.

De acordo com o STF, o Planalto disse que irá emendar a proposta orçamentária encaminhada ontem (31) ao Congresso Nacional. O novo texto contemplaria o projeto original apresentado pelo STF no início do mês.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ao sair da reunião, perguntado se haveria alguma retificação, disse que “temos que conversar primeiro”. Também participaram da reunião a ministra do Planejamento, Miriam Belchior e o ministro da Advocacia-Geral da União, Luis Inácio Adams.

O corte na proposta orçamentária do Judiciário afetou a previsão de aumento de salário dos ministros do STF, que hoje é R$ 26,7 mil e chegaria a R$ 30,6 mil, e o Plano de Cargos e Salários de servidores do Judiciário, cujo projeto tramita no Congresso desde 2006.

 

Edição: Rivadavia Severo