Ministro do Desenvolvimento Agrário anuncia verba para criadores do RS

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 25 de outubro de 2003 as 19:21, por: cdb

O ministro do Desenvolviamento Agrário, Miguel Rosseto, anunciou neste Sábado em Bagé, no Rio Grande do Sul, a liberação de R$ 8 milhões para criadores que vivem da pecuária familiar no Estado. Ele assinou três contratos para custeio e investimento com o Banco do Brasil, em Bagé, na fronteira oeste gaúcha.

A medida beneficia pequenos criadores da região da Campanha. O ministro Rossetto também expôs a estratégia do governo federal para estimular o setor e fortalecer o Pronaf Pecuária Familiar, linha de crédito para o setor.

Segundo ele, é necessário aprimorar a viabilidade econômica dos pequenos pecuaristas, buscando mercado diferenciado e aperfeiçoando processo de industrialização e comercialização dos produtos.
 
– Nosso objetivo é viabilizar esse setor historicamente marginalizado e desassistido, mas que, corretamente estimulado pelo poder público, se constitui em fator de desenvolvimento das regiões de produção pecuária, com elevação da renda dos produtores –  afirmou.

Rossetto também participou do dia de campo que marcou o encerramento do V Encontro Internacional do Pastoreio Voisin, na fazenda Conquista, de Nilo Romero, pioneiro no Brasil na implantação do sistema de uso racional do pastoreio, desenvolvido pelo francês André Voisin.

O ministro cumpre extensa agenda no Estado. Ele participa, neste domingo, em Porto Alegre, do 9º Congresso Mundial de Produção Animal, às 19h, na Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (FASUL). Na segunda-feira (27), às 10h, na sede do Incra/RS, também na capital gaúcha, ele assina convênio de cooperação para desenvolvimento de pesquisa, validação e transferência tecnológica nos assentamentos da reforma agrária do Estado.