Ministra promete reforço para ações de regularização fundiária na Amazônia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 14 de fevereiro de 2005 as 20:46, por: cdb

A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, disse que será feito um reforço às seis bases de operação instaladas na Amazônia para garantir as ações de regularização fundiária e de combate ao desmatamento e à exploração irregular de madeira. Segundo a ministra, o reforço será feito com apoio da Polícia Federal, de aviões do Exército e do deslocamento de mais 90 fiscais do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e de Recursos Renováveis).

A previsão é de que até o final de março estejam instaladas 19 bases de operação. Há mais de um século, de acordo com a ministra, o Estado está ausente da Amazônia, mas o governo vem trabalhando para garantir presença na região. “Estamos em um processo de retomada das terras públicas, com ações estruturantes e de caráter socioambiental”, afirmou Marina Silva.

A ministra acrescentou: “À medida que o Estado se faz presente, que não há expectativa de retrocesso, que as áreas são implementadas e consolidadas, com certeza os contraventores, os grileiros vão ter que saltar fora. Ou vão para a legalidade, ou vão para a cadeia.”