Ministra diz que mudanças no clima podem provocar queda no PIB nacional

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 20 de março de 2007 as 16:46, por: cdb

Em discurso na abertura da Oficina de Detalhamento dos Programas e Subprogramas do Plano Nacional de Recursos Hídricos (PNRH), nessa segunda-feira em Brasília, a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, disse que as mudanças climáticas no mundo podem causar uma diminuição de 20% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil.

– As mudanças climáticas apontam para essa diminuição, caso não consigamos ser vitoriosos em nossas políticas para o setor -, enfatizou a ministra para uma platéia formada por representantes do governo e da sociedade civil.

 Marina Silva não falou em prazo para que os efeitos climáticos causem um impacto dessa magnitude na economia do país. Segundo ela, essa constatação vai exigir do governo e da sociedade “um esforço muito grande de adaptação, pois os grandes prejudicados serão aqueles que estão com maior vulnerabilidade social”, ou seja, os pobres do país.

Para Marina Silva, é fundamental que o país saia vitorioso nesse combate aos impactos ambientais provocados pelas mudanças climáticas.

– A gente faz um esforço em dobro para ver nosso país crescer 3%, 4%, 5% do PIB, agora imagine esse índice com uma queda de 20%. Isso é muito significativo -, alertou.

A Oficina de Detalhamento dos Programas e Subprogramas do PNRH começou ontem e termina nesta quarta-feira. O encontro tem por objetivo subsidiar a implementação do PNRH, que será submetido à aprovação do Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH) no final do ano.

Passando pelo conselho, as propostas contidas no PNRH serão levadas ao Plano Plurianual (PPA) de Investimentos do governo federal para o período 2008-2011.