Matinta Perêra e Filho do Boto levam encanto aos alunos da Funbosque

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 26 de março de 2012 as 10:10, por: cdb

Lucirene Gomes-Ascom Funbosque

As crianças não têm mais medo da Matinta Perêra nem de seu assovio, pelo menos foi o que demonstraram os alunos de educação fundamental da Fundação Escola Bosque quando ficaram frente a frente com a atriz Maria Borges devidamente caracterizada como a mitológica personagem amazônica. 

Maria e o escritor Juraci Siqueira participaram da programação da Funbosque relacionada ao Dia da Água e Dia da Floresta, comemorados este mês.

A mensagem levada aos alunos pela atriz e pelo escritor foi da necessidade de preservação do meio ambiente e valorização da cultura. “Estou encantada com este ambiente”, declarou Maria referindo-se ao espaço da Fundação, onde as salas de aula ficam em meio a uma floresta secundária. Juraci declamou poemas e participou de atividades de contação de histórias e várias brincadeiras promovidas pelas bibliotecárias e equipe de coordenação pedagógica da escola.

O contato com a arte teatral de Maria Borges e a literatura de Juraci Siqueira levaram as crianças a uma série de perguntas, sobre “onde mora a Matinta?”, “Por que ele é filho do boto?”, todas respondidas pelos dois visitantes. No dia 6 de abril próximo a dupla segue para a mesma atividade na unidade pedagógica da Faveira, ilha de Cotijuba.