Marques pagou R$ 8 mil para se transferir para o Vasco

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 6 de janeiro de 2003 as 22:04, por: cdb

O atacante Marques se apresentou nesta segunda-feira ao Vasco, clube que vai defender na temporada de 2003. O curioso é que, para isso, o jogador teve que desembolsar R$ 8 mil do próprio bolso, por conta de uma multa rescisória com o Atlético-MG.

O contrato de Marques com o Galo iria até 20 de janeiro e, para não prejudicar sua preparação para o Campeonato Carioca, resolveu desembolsar o dinheiro e se desvincular de uma vez por todas do clube mineiro.

“Se eu tivesse que esperar o meu contrato acabar, minha preparação para o Campeonato Carioca seria prejudicada. Por isso resolvi pagar logo o que era preciso e agora posso pensar exclusivamente em me dedicar ao Vasco”, explicou.

Ao comentar sobre a sua transferência, o jogador revelou que tinha propostas de outros clubes, mas optou pelo Vasco pelas condições de trabalho que terá no clube de São Januário.

“Optei pelo Vasco porque é um grande clube e está formando um time para ganhar títulos. Meu estilo de jogo combina muito com o do Valdir e do Petkovic. Alem disso, jogando no Rio, minhas chances de voltar à Seleção Brasileira são maiores”, comentou.

Marques revelou ainda que o seu desejo de jogar no Vasco era tanto que chegou a se emocionar ao vestir a camisa nove do clube: “É a realização de um sonho jogar no Vasco. Não sou supersticioso, mas gosto de atuar com a camisa nove e espero jogar com ela aqui também”, resumiu.

Aos 29 anos e vindo de cinco anos e meio no Atlético-MG, Marques não descartou a possibilidade de encerrar a carreira no clube.

“O futuro a Deus pertence, mas é uma coisa que pode realmente acontecer. Agora quero pensar em trabalhar forte, entrar e forma e, por mais que eu tivesse outras propostas, tenho certeza de que tomei a melhor decisão”, concluiu.

Tabaco

O atacante protagonizou o momento mais pitoresco da entrevista coletiva quando, ao lado do presidente Eurico Miranda e seu indefectível charuto, a paciência do jogador com as baforadas do cartola vascaíno terminou.

Após Eurico Miranda baforar perto do atacante pela enésima vez, Marques falou baixo para o presidente: “Joga essa fumaça pra lá”…