Marcelo Crivella defende critérios diferentes para aposentadoria de portadores de deficiência 

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 28 de março de 2011 as 16:40, por: cdb

Em pronunciamento nesta segunda-feira (28), o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) requereu a inclusão prioritária, em Ordem do Dia, de projeto de lei do senador Paulo Paim (PT-RS) que estabelece requisitos e critérios diferentes para a concessão de aposentadoria aos segurados da Previdência Social que sejam portadores de deficiência.

O senador pelo Rio de Janeiro explicou que o projeto (PLS 252/05), arquivado ao fim da legislatura passada, deverá voltar à discussão depois de apresentação de requerimento nesse sentido por Paim.

Crivella ressaltou que a proposta, que reduz de 35 para 25 anos o tempo de contribuição nesses casos, também beneficiará portadores de doenças de alta complexidade. Ele citou o exemplo de um morador do Rio de Janeiro que sofre de síndrome de pós poliomelite e lhe escreveu para narrar sua luta contra os preconceitos e as limitações físicas.  

Aniversário de Campos 

Crivella também aproveitou o pronunciamento para comemorar os 176 anos de Campos dos Goytacazes, maior município do Rio de Janeiro, que tem hoje 463 mil habitantes, numa área de 4.027 quilômetros quadrados, três vezes maior que a ocupada pela capital fluminense, segundo ele.

O senador contou que as comemorações pelo aniversario de Campos começaram no último dia 23, com o início das obras de uma fábrica de refrigerantes e apresentações musicais de artistas locais. Ele lembrou que, embora os royalties do petróleo representem a base da economia local, há outras fontes de riqueza no município.

– Há ali também muitas usinas, há produção de cana, há produção de açúcar, há produção de álcool, uma gente valente, um povo extraordinário que traz na sua gênese, no seu DNA, a valentia e a bravura dos índios dos campos de Goytacaz que nunca se permitiram ser escravizados.

Da Redação / Agência Senado