Mais de 9 mil homens orientam motoristas na Operação Verão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 17 de dezembro de 2005 as 13:58, por: cdb

Mais de 9 mil homens vão trabalhar na fiscalização das rodovias federais de todo o país durante a Operação Verão, em prática desde as primeiras horas deste sábado, pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Até o dia 5 de março de 2006, os agentes orientarão os motoristas com o objetivo de evitar acidentes nas estradas no período das festas de fim de ano e férias escolares.

Um dos principais focos dos policiais é o motorista imprudente, principal causador de acidentes, de acordo o coordenador geral substituto da operação, inspetor Luiz Alexandre Gomes.

– Não adianta querer ganhar um segundo, uma hora, dirigir em alta velocidade e colocar a vida em risco – disse. Quem pretende viajar neste final de ano, deve verificar a documentação e equipamentos do veículo, dirigir com calma e respeitar as leis de trânsito, segundo as orientações do coordenador.

Os Estados de Minas Gerais (maior malha viária do país), Santa Catarina, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, e os do Sul do país terão atenção especial por causa das fortes chuvas, má condição das estradas, grande fluxo de caminhões transportando a safra de grãos e tráfego de turistas estrangeiros. Luiz Alexandre explicou que essas regiões sempre registram os maiores índices de acidentes.

A ação da PRF quer ainda reduzir o número de assaltos a ônibus e motoristas nas rodovias do Nordeste, Sudeste e Norte. De acordo com o coordenador, serão fiscalizados documentos e bagagem dos passageiros, além das condições dos veículos.

– A idéia é afastar os criminosos das rodovias – disse.

 A PRF utilizará ainda dez helicópteros com equipe médica, em quatro bases localizadas em Florianópolis (SC), Recife (PE), Brasília (DF) e São Paulo (SP). Na Operação Verão do ano passado, a PRF registrou 25.288 acidentes com 15.850 feridos e 1.524 mortos.