Lula vai se reunir com investidores em Davos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de janeiro de 2005 as 10:56, por: cdb

Além de participar de discussões políticas no Fórum Econômico Mundial, que ocorrerá entre os próximos dias 26 e 30 de janeiro em Davos, na Suíça, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acompanhado de sua comitiva, vai promover um encontro para investidores estrangeiros. O objetivo é mostrar aos empresários europeus um Brasil que está pronto para receber investimentos, como já foi feito em Genebra e em Nova York no ano passado.

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim afirmou, em entrevista exclusiva à Agência Brasil, que “este seja talvez o foco principal” da viagem do presidente Lula a Davos. O presidente vem defendendo a idéia de que o país entrou em um ritmo de crescimento sustentável e que os investidores estrangeiros terão no Brasil um porto seguro para fazer seus investimentos.

Além da presença do presidente Lula e Amorim na Suíça, a delegação do governo brasileiro deverá contar com os ministros do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, e da Fazenda, Antônio Palocci. O tema do próximo Fórum Econômico Mundial, que reúne anualmente chefes de Estado, autoridades, banqueiros, empresários e intelectuais na pequena cidade dos Alpes, será “Assumindo Responsabilidade por Escolhas Difíceis”.

Lula participou do Fórum Econômico Mundial pela primeira vez em 2003. Naquele ano, durante o encontro, ele lançou a campanha de combate à fome e à miséria no mundo. No ano passado o presidente não participou do evento.