Lula será garoto-propaganda de campanha pela atividade física

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 31 de janeiro de 2005 as 20:11, por: cdb

Mesmo admitindo estar acima do peso ideal, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participará de uma campanha do governo de estímulo à atividade física.

– Estou acima do peso, por isso faço atividade física regularmente… Sou presidente, tenho muitas tarefas e caminho para aguentar o dia. Esse é um exemplo que precisa ser mostrado – disse Lula, que exercita-se todos os dias pela manhã na residência oficial da Granja do Torto.

O relato foi feito pelo ministro dos Esportes, Agnelo Queiroz, que esteve com Lula nesta segunda-feira acompanhado do conselheiro da Organização das Nações Unidas (ONU), o suíço Adolph Ogi.

Queiroz disse que o presidente se engajará na caminhada de lançamento da campanha, que deverá ocorrer no final de fevereiro em Brasília, com veiculação em março.

Ogi, representante da ONU para o Esporte e o Desenvolvimento, encontrou-se com Lula e Agnelo para conhecer os programas de política esportiva do governo e para lançar a campanha das Nações Unidas que batizou 2005 como o ano do “Esporte e da Educação Física”.

Ao ser questionado se Lula precisa de atividade física, Agnelo respondeu em tom de brincadeira:

– Está precisando. É evidente que manter a atividade regular ajuda a perder o peso. Além de ser muito bom para manter a saúde.

A campanha de estímulo à atividade física, que contará com inserções em rádio, televisão e divulgação de materiais gráficos, faz parte da iniciativa do governo de incentivar a auto-estima do brasileiro, que tem os slogans “O melhor do Brasil é o brasileiro” e “Eu sou brasileiro não desisto nunca”.