Lula quer ampliar microcrédito no país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 17 de janeiro de 2003 as 23:09, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao ministro da Fazenda, Antônio Palocci, uma avaliação sobre a possibilidade de ampliar o fornecimento de microcrédito e a quantidade de cooperativas de créditos no país.

A informação foi dada pelo presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), Horácio Lafer Piva, que esteve reunido com Lula e Palocci no final da tarde desta sexta-feira.

O aumento do microcrédito é uma das receitas da Fiesp para uma reconstrução da ”ideologia de produção” no Brasil. No final de 2002, o CMN (Conselho Monetário Nacional) flexibilizou a regra para que pequenas empresas e microempresários formassem cooperativas de crédito.

Apesar disso, Piva afirmou que as normas do Banco Central não permitem a difusão das cooperativas pelo país. ”Eu acho que há um espaço enorme para fazer o microcrédito no Brasil”, afirmou.

Ao deixar o Palácio do Planalto, Piva se disse ”impressionado” com o otimismo do presidente Lula, apesar das ”dificuldades inerentes” ao começo do governo. Piva afirmou ainda que Lula ”está por dentro” das questões econômicas e disse acreditar que ”muita coisa pode acontecer”, desde que a situação internacional permita.