Lula estaria de olho no PMDB para vice

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 8 de novembro de 2005 as 17:14, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu a senha na entrevista ao Roda Viva desta segunda-feira: para disputar a reeleição, precisa montar uma aliança política mais ampla que a de 2002 e deve substituir o empresário José Alencar (PMR) como candidato a vice. O alvo de Lula é ter um vice do PMDB, segundo dois dirigente políticos muito próximos ao presidente que falaram na condição de não ser identificados.

Entre os obstáculos a esse projeto está a verticalização das coligações, que ainda pode ser derrubada pelo Congresso, além das forças do PMDB que defendem o lançamento de candidato próprio. O apoio do partido também é cobiçado pela oposição.

No programa da TV Cultura, pela primeira vez Lula mencionou em público o problema da aliança política como condicionante do projeto de reeleição.

– Preciso ter uma aliança que me garanta maioria no Congresso – disse o presidente ao responder sobre a candidatura em 2006, que ele ainda não assumiu, mas já é um dado de realidade para seus aliados e para a oposição.

A substituição de Alencar na chapa de 2006 tornou-se uma “questão objetiva”, apesar das boas relações pessoais entre o presidente e o vice, segundo as fontes.

– Ele praticamente excluiu-se da chapa quando se filiou a um partido recém-criado – disse um dos dirigentes. No final de setembro, Alencar filiou-se ao PMR, ainda menos denso politicamente do que o PL, pelo qual o vice foi eleito em 2002.