Lula e Kirchner assinam acordos de cooperação com Argentina

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 30 de novembro de 2005 as 08:23, por: cdb

Brasil e Argentina assinaram acordos de cooperação em diversas áreas, nesta quarta-feira, data em que se comemora a parceria estratégica iniciada há 20 anos pelos então presidentes José Sarney e Raúl Alfonsin. As assinaturas dos documentos ocorreram na cidade de Puerto Iguazú (Argentina), com a participação dos presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Néstor Kirchner.

O chefe do Executivo brasileiro chega ao país vizinho às 10h30, acompanhado de ministros. Confirmaram presença Roberto Rodrigues, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Luiz Marinho, do Trabalho e Emprego; e Fernando Haddad, da Educação.

Lula e Kirchner reuniram-se reservadamente e depois assinam atos – em que vão firmar o Compromisso de Iguazú – e de declaração à imprensa. Durante a solenidade, os dois presidentes assinaram documento sobre cooperação no setor nuclear, com o uso pacífico da energia atômica.

Outros acordos também foram fechados nesta terça-feira no encontro entre autoridades do Brasil e da Argentina. O ministro da Educação, Fernando Haddad, por exemplo, assinou protocolo de intenções para o ensino do espanhol ou do português como primeira opção à língua oficial de ambos os países.

Na área de energia os acordos assinados eram sobre gás natural e de aproveitamento hidrelétrico do trecho compartilhado do rio Uruguai. No setor trabalhista, os dois países fecharam acordos de combate ao trabalho infantil, de inclusão de jovens no mercado e de cooperação na área de segurança e saúde dos trabalhadores.