Lula desembarca em Quito para a posse do novo presidente

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 15 de janeiro de 2003 as 14:11, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acaba de chegar à base aérea desta capital, onde vai participar da cerimônia de posse do novo presidente do Equador, Lucio Gutiérrez.

Da base aérea, Lula seguiu para o Swissôtel, onde descança antes de ir para ao Congresso equatoriano, onde será realizada a posse de Gutiérrez. Ainda hoje Lula almoça com o presidente Hugo Chávez, antes de se reunir com os presidentes da Colômbia, Àlvaro Uribe; Chile, Ricardo Lagos; Peru, Alejandro Toledo; Bolívia, Gonzalo Sanchez de Lozada, e com o presidente empossado do Equador, Lucio Gutierrez, além do secretário-geral da OEA, César Gaviria, para discutir uma solução da crise venezuelana.

Lula almoça com Chávez para discutir apoio à Venezuela

Depois da solenidade, Lula segue para o Hotel Swisôtel, onde estará hospedado. A expectativa é de que Lula almoce com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com quem deve discutir o impasse nos conflitos entre opositores e simpatizantes do governo do militar venezuelano. Lula e Chávez já se encontraram no Brasil, após a posse de Lula, e o presidente brasileiro tem conversado com autoridades internacionais sobre a possibilidade de encontrar uma saída para a Venezuela que respeite as instituicoes democraticas naquele país.

A Venezuela é o maior produtor de petróleo da América do Sul e tem sido alvo constante de golpes contra a democracia, na maioria as vezes instigados por países que têm interesse em manipular o produto na região, como aconteceu no ano passado.

O encontro será seguido por uma reunião com os demais presidentes sul-americanos que virão à posse – ainda não há confirmação exata de quais chefes de Estado estarão presentes – e com o presidente da Organização dos Estados Americanos (OEA), César Gaviria.

A reunião é uma iniciativa do governo brasileiro para analisar a possibilidade de criação do já chamado “Grupo de países amigos da Venezuela”. O seleto grupo buscaria uma solucao conjunta, pacífica e democrática para os conflitos na Venezuela. Apesar de já ter sido criticado pela oposicao venezuelana, a expectativa em torno do encontro chega a ser maior que a visita do presidente brasileiro em si ao Equador.

Após o encontro, Lula ainda irá até a Embaixada do Brasil em Quito para encontrar-se com integrantes da comunidade brasileira que vive no Equador. Segundo o ministério das Relações
Exteriores, há hoje pouco mais de 700 brasileiros que vivem no Equador, dos quais 250 irão encontrar-se com o novo presidente. A noite termina com uma cerimônia de cumprimentos a Lúcio Gutiérrez, no Palácio do Governo.

Amanhã, o único compromisso previsto na agenda presidencial é um café da manhã oferecido por Gutiérrez aos presidentes que prestigiaram sua posse. O embarque de Luiz Inácio para o Brasil está previsto para 9h30 (12h30 em Brasília).