Lula critica países ricos na OIT

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 2 de junho de 2003 as 10:31, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou às origens, nesta segunda-feira, ao participar da reunião da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Durante o seu discurso na sessão especial da Organização, Lula não poupou críticas às barreiras protecionistas e a incoerência na política fiscal adotada pelos países ricos. O presidente, repetindo o teor do seu discurso em Evian (França), na reunião do G-8, alertou que “na América do Sul vários países pagaram o preço social e político por não terem aceito o receituário neoliberal”.
Lula ressaltou, também, que o seu governo é marcado pela presença de ex-dirigentes sindicais e que busca administrar de acordo com as convenções da OIT. Com relação ao tema que será discutido nesta terça-feira na Conferência promovida pela Organização – sobre discriminação no Trabalho – citou o programa Brasil Gênero e Raça, que visa dar melhores condições de trabalho aos negros e as mulheres.