Lígia Cortez apresenta ‘Estrelas de Orinoco’

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 2 de outubro de 2003 as 01:50, por: cdb

Apesar da proximidade geográfica, as artes cênicas brasileiras não costuma voltar seus refletores à dramaturgia latino-americana.
 
Na contramão desse panorama a atriz e diretora do Teatro-escola Célia Helena, Lígia Cortez, apresenta o primeiro resultado de sua pesquisa da dramaturgia latino-americana com o texto ‘Estrelas do Orinoco’, do mexicano Emilio Carballido, cuja estréia será na próxima sexta-feira (3), 19h30, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de São Paulo.

Iara Jamra vive Fifi, uma jovem e sonhadora atriz. Cristina Mutarelli é Mina, também atriz, experiente e mais realista. À bordo do cargueiro Stella Maris elas cruzam o rio Orinoco – o terceiro maior rio do mundo, que nasce nas Guianas, cruza a floresta amazônica e divide Venezuela e Colômbia – essas artistas rumam em busca de apresentar seus números num campo de minério no meio da selva.

Com mais de 100 peças de teatro, roteiros para cinema – incluindo um em colaboração à Buñuel -, novelas, contos, entre outros, Emílio Carballido é dos autores latino-americanos mais montados mundo afora.
 
Ficha Técnica Ligia Cortez (Direção), Cristina Mutarelli (Mina), Iara Jamra (Fifi), Daniela Thomas (cenografia), Fabio Namatame (figurinos), André Abujamra (trilha musical), Davi de Brito (iluminação) e Joana Mattei (assistente de direção). A coordenação de produção é de João Carlos Couto.

Serviço: ‘Estrelas do Orinoco’. Estréia sexta-feira (3), 19h30. De quinta a domingo, 19h30. Até 2 de novembro. Teatro do CCBB – SP. Rua Álvares Penteado, 112. Centro. Tel. (11) 3113-3651. R$ 15 e R$ 7.