Leonardo DiCaprio contracena com Jennifer Connelly em filme

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 6 de janeiro de 2007 as 12:25, por: cdb

O galã Leonardo DiCaprio e a vencedora do Oscar, Jennifer Connelly, são os protagonistas do filme Diamante de Sangue (Blood Diamond) que causou polêmica entre os comerciantes de diamantes. No longa, Leonardo DiCaprio representa um mercenário preso por praticar contrabando durante a devastadora guerra civil de Serra Leoa (1991-2002). Do outro lado, há um pescador pobre (Djimon Hounsou) cujo filho é seqüestrado por rebeldes e treinado para matar. Jennifer Connelly, por sua vez, vive uma jornalista que se envolve na história dos dois homens.

As empresas de diamantes temem que os consumidores evitem comprar as pedras quando Diamante de Sangue chegar aos cinemas, por volta da época das compras de Natal nos EUA. Apesar disso, especialistas dizem que o fluxo de pedras preciosas vindas de zonas de conflito atualmente já se reduziu muito.

DiCaprio, por sua vez, afirmou que o filme não quer prejudicar a indústria de diamantes, mas conscientizar as pessoas da importância de verificar se o diamante que querem comprar foi extraído legalmente.

“As pessoas devem usar de seu discernimento, porque, em última análise, os diamantes são fonte de estabilidade econômica na África”, disse o ator. A África gera US$ 8,4 bilhões em diamantes todos os anos, segundo o Conselho Mundial de Diamantes.

Curiosidade

De acordo com o tablóide inglês The Sun, Leonardo DiCaprio protagonizou momentos heróicos durante as filmagens de Diamante de Sangue. Ele teria salvado o ator Djimon Hounsou de um assassino que lhe apontou uma arma no intervalo das gravações.

O astro se desesperou e entrou na frente do revólver enquanto o homem ameaçava Hounsou. “Se você quiser matá-lo terá que atirar primeiro em mim”, disse ele. Depois da ação de DiCaprio, o homem saiu correndo e foi pego pela polícia minutos depois.