JUSTIÇA ABSOLVE TODOS OS ACUSADOS EM CASO MEDIATRADE

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 27 de junho de 2012 as 10:06, por: cdb

ROMA, 27 JUN (ANSA) – O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi e outras 11 pessoas foram absolvidas por prescrição no processo chamado de Mediatrade, no qual eram acusados de fraude fiscal e apropriação indevida.
   
A sentença foi lida em Roma pelo juiz Pierluigi Balestrieri e um dos envolvidos no caso é o filho do premier, Piersilvio Berlusconi.
   
Berlusconi já havia se livrado das acusações em maio, quando a Corte de Cassação, órgão máximo do Judiciário italiano, considerou-o inocente, ratificando decisão tomada em outubro e 2011 pela juíza de audiência preliminar de Milão, Maria Vicidomi.
   
A acusação era de que Berlusconi, por meio da empresa Mediatrade, ligada ao grupo Mediaset, tinha realizado compras e vendas superfaturada de direitos televisivos e cinematográficos para evadir impostos.
   
Além de Berlusconi, outras 11 pessoas estavam envolvidas no processo, segundo o qual a fraude fiscal deve ser de 20 milhões de euros. (ANSA)