Julia Stiles teve pesadelos com A Profecia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de junho de 2006 as 14:50, por: cdb

A atris Julia Stiles, de 25 anos, afirmou ter tido pesadelos enquanto filmava o longa de terror <i>A Profecia</i>. A informação é do site <i>Female First</i>. No filme, remake do sucesso de 1976, a atriz interpreta Katherine Thorn, a mãe do anticristo.

– Eu não sei se estava ficando paranóica com o papel, mas eu tinha pesadelos horríveis na época em que estava gravando – disse Julia à revista <i>Ok!</i>.

A atriz conta que os pesadelos lhe deram mais vontade ainda de fazer o filme porque, com eles, ela teria percebido como a história de <i>A Profecia</i> era significante.

A Fox disse que a refilmagem da história do garoto que é uma cria do diabo estreou com um recorde de 12.633.666 dólares nas bilheterias dos Estados Unidos, a maior quantia para uma estréia em uma terça-feira.

A Fox assumidamente optou por estrear o filme em 6 de junho de 2006, promovendo uma campanha publicitária em que destacou a data (06/06/06). O número 666 é atribuído pelo cristianismo a uma marca do diabo, e em <i>A Profecia</i> o garoto Damien Thorn, de 5 anos, tem esse número marcado na pele.

Os  US$ 12,63 milhões  arrecadados representam a maior quantia para uma estréia em uma terça-feira. Alguns podem questionar os últimos três dígitos do faturamento divulgado (666 dólares), mas a Fox diz que eles são verdadeiros.

O site Boxofficemojo.com, que lista as bilheterias de estréia, disse que o campeão anterior para uma estréia na terça-feira foi o filme <i>Ali</i>, que arrecadou 10,2 milhões de dólares no Natal de 2001.

Em 1996, o filme <i>Independence Day</i> arrecadou 11,1 milhões em uma pré-estréia na terça-feira, mas seu lançamento oficial só ocorreria na quarta-feira seguinte.

<i>A Profecia</i>, filmado originalmente em 1976 e estrelado por Gregory Peck e Lee Remick, ganhou o Oscar de melhor trilha sonora. E deu origem a duas sequências.