Jovem aventureira movimenta o filme Domino

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 20 de novembro de 2005 as 15:01, por: cdb

Dirigido por Tony Scott, Domino conta história de modelo que larga a carreira para virar caçadora de recompensas. A obra conta com Keira Knightley, Mena Suvari, Jacqueline Bisset, Mickey Rourke e Christopher Walken no elenco.

O que falta a Domino, a Caçadora de Recompensas é senso de realidade. O filme se parece com um Treze Homens e um Segredo, pois o diretor Tony Scott se apropria com liberdade de Oliver Stone, Steven Soderbergh, Quentin Tarantino, Elmore Leonard e Guy Ritchie. Graças às performances dinâmicas de Keira Knightley, Mickey Rourke, Edgar Ramirez e um forte elenco, esse melodrama obscuro e absurdo com certeza tem força. A história é inspirada na vida turbulenta de Domino Harvey, morta em 27 de junho em West Hollywood, aos 35 anos, vítima de suposto afogamento após uma overdose. Filha do astro do cinema Laurence Harvey, a bela Domino vivia como caçadora de recompensas em Los Angeles.

O roteiro de Richard Kelly, nas palavras de Scott, – lapidou a história, mas deixou os personagens como pessoas reais, de carne e osso. Não é bem assim. Antes de morrer, Harvey se dizia descontente com a história que não mencionava nem o uso de drogas, nem sua bissexualidade. Mais importante, o filme evita examinar a tristeza de uma pessoa nascida num mundo privilegiado, mas que só conseguia sair do tédio com a adrenalina das portas derrubadas com armas em punho. O filme de Scott pouco explora essa história de vida, colocando o filme no mesmo patamar de programas como os reality shows, retratados de modo cômico no filme.

Domino começa com o fim de um caso que termina muito mal. A Domino sanguinária e tatuada de Knightley conta na prisão a história da sua vida a uma psicóloga (Lucy Liu, que está muito bem num papel que não lhe é típico). A narrativa passa rápido pela morte do pai – quando Domino tinha 4 anos -, por seus fracassos no internato, na carreira de modelo e como socialite. Quando sua mãe, a ex-modelo Pauline Stone, se casa com o fundador do Hard Rock Café, Peter Morton (todos os nomes à exceção do de Domino foram modificados), a garota está entediada e inquieta em Los Angeles.

Um anúncio recrutando caçadores de recompenses chama sua atenção. Seu futuro patrão, Ed (Rourke), percebe imediatamente as vantagens de ter uma loira bem-educada no seu bando que inclui Choco (Ramirez) e Alf (Rizwan Abbasi), um motorista afegão.

Seguem-se aventuras implausíveis, incluindo uma em que Domino livra seus colegas de uma situação tensa dançando para o líder de uma gangue. Temas toscos percorrem todo o filme: Domino vê a morte de peixes dourados de aquário como um sinal do além. E gosta de jogar moedas para cima murmurando “Cara, você vive. Coroa, você morre.”

E então o produtor (Christopher Walken) de um reality show e sua assistente (Mena Suvari) aproximam-se dos caçadores de recompensas para um programa chamado “O Esquadrão das Recompensas”. O momento mais engraçado do filme ocorre quando as estrelas de Beverly Hills, 90210 Ian Ziering e Brian Austin Green interpretam os apresentadores do programa.
A trama chega ao fiador do esquadrão (Delroy Lindo) e sua namorada (Mo’Nique), desesperados precisando de US$ 300 mil para uma operação de vida ou morte de uma neta. Isso leva o grupo a uma aventura que envolve um carro blindado roubado, dinheiro da Máfia, um bilionário de Las Vegas e uma investigação do FBI.

Em determinado ponto, o esquadrão acaba involuntariamente tomando drogas alucinógenas no deserto. Quando Tom Waits aparece de repente como um andarilho surgido do nada, o filme todo vira a ressaca de uma viagem de ácido.