José Sarney promete a Lula absoluta solidariedade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 6 de novembro de 2002 as 21:03, por: cdb

O senador José Sarney, do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), disse nesta quarta-feira ao presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, que lhe prestará “total e absoluta solidariedade durante todo o seu governo”.

“Quero que o seu governo possa estar à altura dos anseios e esperanças que despertou no povo brasileiro”, disse Sarney a Lula.

No encontro, que durou cerca de uma hora, com a presença do presidente do PT, José Dirceu, Sarney disse que não foi discutido, em nenhum momento, a sucessão da presidência do Senado. O nome do senador é cotado para assumir a presidência da Casa.

“Nós conversamos sobre o Brasil – disse Sarney – e eu tive a oportunidade de ver que o presidente eleito está profundamente consciente das mudanças que têm de ser feitas, como as reformas tributária, da Previdência Social e trabalhistas, além de políticas de exportação”.

“Lula está dominando todos os assuntos importantes para o Brasil”, acrescentou. “Teremos um grande presidente, pois Lula é um homem íntegro, bom e humano”.

Sarney declarou também que as negociações sobre quem sucederá Ramez Tébet na presidência do Senado ocorrerão em tempo oportuno.

Segundo o ex-presidente, a avaliação sobre uma possível aliança do PMDB com o PT caberá ao presidente do seu partido, Michel Temer.