Jogador do Botafogo pode ser punido pela FIFA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 1 de junho de 2003 as 20:44, por: cdb

Em mais um capítulo da moralização do futebol, agora chegou a vez de os empresários de jogadores sofrerem com a fiscalização. A Associação Brasileira dos Agentes Fifa (Abafi), representada pelo advogado Marcos Motta, entrará, nesta segunda-feira, com uma notificação junto à Fifa e à CBF denunciando o empresário espanhol Santiago Gerardo. O meia Almir teria assinado um contrato com ele e pode ser punido pela Fifa.

Gerardo, que não é credenciado pela entidade máxima do futebol e, mesmo assim, atua na negociação de jogadores. Ele é representante do meia Carlos Alberto, ex-Botafogo, e tem até direito a uma parte do passe do jogador que foi contratado pelo São Paulo. Segundo informações, Gerardo estaria aliciando o jogador Almir, do Botafogo, que atualmente tem contrato com o agente Fifa Anselmo Paiva.

– Estive na Fifa na semana passada e comecei a tratar disso. Vou averiguar se o Almir realmente assinou algum compromisso com esse empresário. O estatuto da Fifa prevê punição para clubes e jogadores que negociam com agentes não credenciados, mas também dá amparo jurídico quando as transações são feitas dentro da lei – explicou Marcos Motta.

O advogado afirmou que transações com empresários ilegais é algo comum no futebol brasileiro e que não há fiscalização. Por isso, o advogado espera que, a partir desse fato, possa-se criar uma nova cultura no país.

– Eu trato atualmente de cerca de sete casos de processos como esse, envolvendo agentes Fifa, clubes e jogadores na Europa – observou Motta.

Mas se fora de campo Almir pode ter problemas, dentro das quatro linhas ele vive um momento de felicidade e prova do reconhecimento do torcedor do Botafogo. Depois do belo gol e da excelente atuação sobre o Brasiliense, o meia do Botafogo espera voltar ao time titular.

– O pensamento de todo o jogador é estar entre os 11, mas estou tranqüilo e paciente. Tenho certeza de que, no momento certo, o Levir vai me colocar no time. Enquanto isso, vou manter a minha humildade – disse.