Israel anuncia criação de novo povoado israelense

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 15 de fevereiro de 2005 as 07:51, por: cdb

O ministro israelense do Interior, Ophir Pines, anunciou esta terça-feira a criação de um novo povoado israelense no deserto de Neguev (sul de Israel) para os colonos que serão evacuados da Faixa de Gaza.

O ministro trabalhista informou à imprensa que 90 hectares de terra foram destinados à nova localidade, batizada de Halutzit 4, e a seus campos próximos.

O novo povoado deve receber quase 500 famílias de colonos, depois da evacuação das implantações prevista durante 12 semanas a partir de julho de 2005.

O Parlamento israelense deve debater esta terça-feira a lei de indenizações dos colonos, que será votada na quarta-feira.

O governo possui uma importante maioria para esta votação definitiva da lei, segundo fontes parlamentares.

Na noite de segunda-feira, centenas de manifestantes israelenses ultranacionalistas contrários ao plano de retirada da Faixa de Gaza bloquearam estradas em Israel, sobretudo na entrada principal de Jerusalém, queimando pneus.

Os manifestantes, em sua maioria jovens colonos, prejudicaram a circulação na estrada entre Tel Aviv e Jerusalém, na entrada ocidental da Cidade Santa, até a intervenção da polícia, que prendeu 40 pessoas.

Quase 15.000 colonos se reuniram em Gush Katif, um grupo de colônias do sul da Faixa de Gaza, para denunciar a evacuação prevista da Faixa de Gaza e dos 8.000 colonos instalados nesta região e em quatro colônias ao norte de Israel.

Os manifestantes exigiram a realização de um referendo sobre a retirada, uma idéia que o premier Ariel Sharon rejeita categoricamente.