Irã vai dobrar número de centrífugas para enriquecer urânio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 12 de abril de 2006 as 10:08, por: cdb

O Irã vai dobrar o número de centrífugas em uso para enriquecer urânio como próximo passo de seu programa nuclear, disse o ex-presidente iraniano Akbar Hashemi Rafsanjani, em declarações publicadas nesta quarta-feira. O Irã anunciou na terça-feira que produziu sua primeira leva de urânio enriquecido, desafiando uma exigência do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) para que suspendesse todo o seu trabalho de enriquecimento. Estados Unidos, Rússia e a União Európia rapidamente condenaram a ação do país.

Teerã diz que quer apenas produzir urânio enriquecido para uso em usinas de energia e que não aproveitará a tecnologia para fabricar urânio mais enriquecido para bombas.

– Nosso próximo passo é acrescentar um outro centro que contenha 164 centrífugas e então ligá-las a equipamentos antigos para aumentar a capacidade de produção, a fim de que esse centro seja transformado em uma grande instalação industrial – disse Rafsanjani ao diário kuweitiano al-Rai al-Aam.

O ex-presidente não deu prazos para o plano de expansão.