IRA pune trê adolescentes com tiro nas mãos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 4 de fevereiro de 2005 as 07:15, por: cdb

Pelo menos três adolescentes irlandeses sofreram nas mãos do IRA um castigo particularmente cruel, conhecido como o método do padre Pio.

Segundo informa hoje, sexta-feira, o jornal britânico <i>The Times</i>, o método consiste em atar as mãos das vítimas, como em um gesto de oração, e atravessá-las depois com uma bala disparada de perto.

Seu objetivo é dar a eles uma lição aos jovens que se atrevem a enfrentar os líderes locais do exército Republicano Irlandês.

O simbolismo está claro para os católicos irlandeses: o padre Pio foi um monge italiano de quem se diz que levou estigmas em suas mãos durante cinqüenta anos.

As três vítimas, de 17 a 19 anos, receberam esse castigo por terem brigado com socos com membros de famílias republicanas, assegura o jornal.

Um dos jovens, de dezessete anos, residente no bairro de Short Strand, no leste de Belfast, teve que abandonar o Ulster e ameaçado de morte se voltar.