IPMC é modelo em gestão de bancos de dados

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de março de 2012 as 09:37, por: cdb

A experiência do Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Curitiba (IPMC)  na gestão de banco de dados está servindo de referência ao governo federal,  que implantará ainda neste ano um cadastro nacional dos 11 milhões de servidores da União.

“Curitiba é um modelo, um exemplo de ponta em termos de gerenciamento de base de dados”, disse o secretário de Políticas de Previdência Social do Ministério da Previdência, Leonardo Rolim Guimarães, que visitou o IPMC na manhã desta sexta-feira (23).

À tarde, Guimarães fará uma palestra na aula inaugural do curso de Pós-Graduação em Gestão de Previdência da Universidade Positivo, o primeiro do país no setor.

O curso tem a parceria do IPMC. Na palestra, o representante do Ministério da Previdência falará sobre o mercado de trabalho e as novas diretrizes para quem almeja fazer carreira na área.

Know How – Durante a reunião com a presidente do IPMC, Walkiria Wiziack Zauith de Pauli, Guimarães explicou que o Ministério e o Instituto já são parceiros antigos. “Estamos agora estabelecendo novas parcerias para aproveitar a experiência avançada que Curitiba tem na gestão do banco de dados de servidores”, disse.

A presidente do IPMC explicou que o modelo do Curitiba Previ, sistema implantado em caráter experimental no município em outubro do ano passado, está servindo de base para o governo federal.

“É um trabalho bastante avançado, em parceria com a secretaria de Recursos Humanos, que dá mais agilidade ao sistema previdenciário”, afirmou Walkiria. A Prefeitura de Curitiba tem atualmente 10 mil aposentados e pensionistas.

Também participaram da reunião no IPMC Nany Abadia, coordenadora Geral de Contabilidade e Estudos Técnicos de Informações Gerenciais; Antonio Guimarães, diretor do Departamento do Regime de Previdência do Serviço Publico; Luiz Fernando Jamur, secretário do Governo; Jocelaine Moraes de Souza, diretora de Previdência do IPMC, e Lia Nara Paludo, superintendente do RH.

Gestão da Previdência – A Universidade Positivo é a primeira universidade do país a lançar uma especialização na área de Gestão de Previdência. O curso, promovido pelo Centro Tecnológico da UP e oferecido inicialmente na modalidade in company, terá sua aula inaugural na tarde desta sexta-feira (23), na Universidade Positivo.

O destaque do evento é a palestra do secretário de Políticas de Previdência Social do Ministério da Previdência, Leonardo Rolim Guimarães, que falará sobre o mercado de trabalho e as novas diretrizes para quem almeja fazer carreira na área.

Também estarão presentes o presidente do Tribunal de Contas do Paraná, doutor Fernando Augusto Mello Guimarães e representantes da Prefeitura municipal.

O professor Francisco Ferraes Neto, um dos coordenadores da especialização, acredita que o atual cenário da área está mais complexo e exige qualificação dos profissionais do setor de previdência. “O que buscamos é criar maior consciência do papel e da importância da previdência complementar pública, contribuindo para o processo de profissionalização pessoal da área”, diz o professor.

Perfil – Leonardo José Rolim Guimarães é consultor de orçamento na Câmara dos Deputados. Foi assessor do presidente da Comissão de Assuntos Econômicos e diretor da Assessoria Especial de Planejamento e Modernização Administrativa. Rolim é especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental, pela Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), e tem trabalhos publicados nas áreas de previdência e trabalho.