Ipea vai mapear contribuição de empresas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 5 de dezembro de 2005 as 11:53, por: cdb

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) vai fazer o levantamento da contribuição social voluntária das empresas privadas à comunidade, desta vez nas regiões norte, centro-oeste e sul.

Em levantamento divulgado em junho deste ano, o Ipea havia constatado aumento da ação social no Nordeste e no Sudeste.

Entre 1999 e 2003, o incremento foi de 19% no Nordeste e de 6% no Sudeste.

Foram selecionados para análise cerca de seis mil empresas do Norte, Centro-Oeste e Sul de todos os portes e setores econômicos.

A segunda edição da Pesquisa Ação Social das Empresas vai comparar os novos dados com os resultados relativos a 2000.

Segundo esses dados, 59% das empresas realizaram voluntariamente ações em benefício da comunidade.

Também serão estudadas as empresas que não contribuem para o social e indicados motivos para o desenvolvimento das ações.

Pela primeira vez, a pesquisa vai incluir as ações de combate à fome, avaliando o nível de interação da iniciativa privada com o governo.

A previsão é de que no fim do primeiro semestre de 2006 o Ipea divulgue os resultados nacionais e das três regiões, comparando as mudanças entre 2000 e 2003.

A idéia é ajudar os empresários a ter mais eficiência nas ações e permitir que o governo reveja seus planos de estímulo ao social.

O Ipea considera ação social qualquer atividade realizada voluntariamente pelas empresas em prol das comunidades nas áreas de assistência social, alimentação, saúde, educação, entre outras.

A pesquisa é feita a partir de uma amostra de empresas selecionada levando-se em conta o número de trabalhadores cadastrados na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Os dados do Cadastro de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, também servem de base para o estudo.