IPC no Rio de Janeiro sobe 1,14% em outubro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 8 de novembro de 2002 as 23:49, por: cdb

A exemplo do que aconteceu em São Paulo, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-RJ) disparou em outubro, subindo 1,14 por cento. Transportes foi o seguimento com maior peso na inflação do mês, com 3,31 por cento sobre o índice global.

Em relação a setembro, o IPC-RJ, calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e divulgado nesta sexta-feira, avançou 0,32 ponto percentual.

O índice vem apresentando progressão contínua. Em agosto, havia ficado em 0,53 por cento.

Além de Transportes, também exerceram pressão acima da média inflacionária os grupos Vestuário (2,08 por cento), Alimentação (1,62 por cento) e Despesas Pessoais (1,56 por cento).

A FGV calcula o IPC-RJ com base nas despesas de famílias com renda de 1 a 33 salários mínimos.

No começo da semana, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), da Universidade de São Paulo, informou que a inflação na capital paulista registrou, em outubro, sua maior alta desde agosto de 2002: 1,28 por cento.