Inter pode perder pontos no Brasileiro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 8 de maio de 2003 as 23:06, por: cdb

Uma divergência que está ocorrendo entre a Confederação Brasileira de Futebol e o Superior Tribunal de Justiça Desportiva poderá alterar novamente a tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Acontece que, segundo a CBF, o STJD teria errado ao conceder dois pontos ao Internacional e três ao Juventude, como conseqüência da punição imposta à Ponte Preta, pela utilização irregular do volante Roberto (nas duas primeiras rodadas da competição).

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva considerou em sua decisão a Resolução de Diretoria (RDI) nº 04/97, que prevê a perda dos pontos conquistados nas partidas e a adjudicação aos adversários dos pontos referentes às vitórias – o resultado entre a Macaca e Colorado, dentro de campo, havia sido o empate em 1 x 1. Já diante do Alviverde da Serra gaúcha, a equipe paulista havia obtido uma vitória de 1 x 0. Curiosamente, a referida RDI está assinada pelo presidente da CBF, Ricardo Teixeira.

O próprio Ricardo Teixeira, no entanto, estaria agora afirmando que o certo seria a utilização do artigo 301 do Código Brasileiro Disciplinar de Futebol (CBDF), que prevê a pena de perda de cinco pontos por jogo para a equipe infratora, sem a adjudicação de pontos aos adversários.

CBF e STJD estudam uma solução para o impasse. Caso o CBDF seja considerado o correto, Inter e Juventude poderão até mesmo perder os pontos adquiridos no Tribunal. Recentemente, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva havia garantido que o caso somente poderia ser reaberto a pedido da Ponte Preta.

Não será a Macaca, porém, que solicitará a consideração do CBDF, ao invés da RDI. O clube de Campinas perderia com isso um total de dez pontos, e não quatro, como acabou ocorrendo.

Caso o CBDF fosse aplicado no lugar da RDI, o Internacional passaria de 18 para 16 pontos, sendo ultrapassado pelo Cruzeiro (17), na tabela de classificação do Brasileirão. O Juventude, por sua vez, passaria de nove para seis pontos. Já a Macaca ficaria amargando a lanterna entre os 24 participantes, sem nenhum ponto.