Inscrições para o vestibular da Uezo vão até dia 28

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 18 de novembro de 2005 as 12:37, por: cdb

O crescimento econômico da Zona Oeste, com a instalação de diversas empresas, abre novos mercados.

Para aproveitar essas oportunidades, é necessário ter a qualificação adequada. Foi com esse objetivo que o governo do Estado implantou na região os Institutos Superiores da Uezo.

O vestibular da unidade está com inscrições abertas até o dia 28 e os interessados devem se apressar para garantir uma das 440 vagas oferecidas.

São seis cursos tecnológicos, além do curso normal superior. Vinculada à Faetec (Fundação de Apoio à Escola Técnica), a Uezo funciona no prédio do Instituto de Educação Sarah Kubitschek, na Rua Manuel Caldeira de Alvarenga, 1203, em Campo Grande.

A instituição ocupa uma área total de 44 mil m2, próximo às estações de trem de Campo Grande e Benjamim Dumont (Supervia), no tronco ferroviário do ramal de Santa Cruz.

A Uezo foi criada para suprir a carência de ensino superior em uma região em pleno crescimento, atendendo às suas específicas demandas por conhecimento tecnológico de nível superior.

A Zona Oeste do Rio tem 280 escolas de Ensino Médio, sendo 143 públicas, formando 60 mil alunos por ano.

Serão beneficiados também todos os jovens da Região Metropolitana, onde empresas estão se instalando ou ampliando suas atividades graças aos incentivos fiscais oferecidos pelo governo do estado.

Os cursos foram escolhidos de acordo com as oportunidades de emprego que vão surgir na região.

A carreira de tecnólogo em siderurgia, por exemplo, vai suprir a demanda de mão-de-obra do pólo siderúrgico de Itaguaí. Já o curso de construção naval poderá atender a demanda do Porto de Sepetiba.

A carreira de tecnólogo em polímeros deverá atender à demanda por mão-de-obra das indústrias de transformação de plásticos que já estão se instalando na Baixada Fluminense, em função do Pólo Gás-Químico, em Duque de Caxias.

São 180 vagas no horário diurno e 180 no noturno para as carreiras de tecnologia em produção siderúrgica, tecnologia em polímeros, tecnologia e gestão em construção naval e offshore, tecnologia em produção de fármacos, biotecnologia e tecnologia em sistemas de informação.

O Curso Normal Superior terá 80 vagas, também distribuídas nos turnos diurno e noturno. Em cada curso estão reservadas 50% das vagas aos candidatos carentes, de acordo com a Lei Estadual nº 4151/03.

Para ser considerado carente será preciso comprovar renda mensal bruta igual ou inferior a R$ 600, por pessoa residente no mesmo domicílio do candidato.

As inscrições podem ser feitas pela Internet, no site www.faetec.rj.gov.br/concurso2006, ou pela Central de Atendimento Telefônico, no número 0800 282-8585, das 7h às 22h.

Os candidatos devem ter concluído ou estar cursando o último ano do Ensino Médio.

A taxa de inscrição é de R$ 21 e deve ser paga no Banco do Brasil, em favor da Fundação José Pelúcio Ferreira, encarregada da realização do vestibular, conta nº 29718.6, agência 3652.8 – UFRJ.

O pagamento não pode ser feito no caixa eletrônico ou por transferência de valores (DOC).

Para requerer isenção da taxa de isenção é necessário comprovar renda mensal familiar igual ou inferior a R$ 300 através do somatório da renda mensal familiar dos residentes no mesmo endereço do candidato.

O Manual do Candidato, que contém o conteúdo programático, pode ser obtido gratuitamente pela Internet, no site da Faetec, ou na própria Uezo.

O cartão de confirmação estará disponível no site da Faetec a partir do dia 6 de dezembro. Se preferir, o candidato poderá retirar o documento na própria Uezo no período de 7 a 9 de dezembro, das 9h às 18h.

A prova está marcada para o dia 18 de dezembro e consiste em uma redação e uma prova objetiva com 56 questões de múltipla escolha.

Os gabaritos serão publicados no dia 20 de dezembro no Diário Oficial e no site da Faetec. O resultado do vestibular será divulgado em 11 de janeiro, a par