Iniciou nesta terça (27), com turma lotada, o curso de fabricação de embutidos e defumados de ovinos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 27 de março de 2012 as 08:10, por: cdb

Publicada em 27/03/2012

Iniciou nesta terça (27), com turma lotada, o curso de fabricação de embutidos e defumados de ovinos

O curso de fabricação de embutidos e defumados de ovinos, que iniciou na manhã desta terça (27), não atraiu apenas produtores locais. O criador de ovinos Carlos Oliveira, de Bossoró, se inscreveu para a capacitação e está freqüentando as aulas. “Acho muito interessante o curso de embutidos de ovinos, é mais uma forma de utilização da carne”, declara Oliveira. Na turma do produtor também está a estudante de nutrição, Pamela Duarte, de Santa Maria. Pamela acha muito importante aliar a nutrição com a parte de melhoramento da carne.

O Curso de Embutidos iniciou nesta terça e se estende até sexta-feira (30), com aulas das 8h30 às 12h e das 13h30 às 17h30, na sede do Sindicato Rural de Santa Maria. Participam da capacitação, promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Rural em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural/Sindicato Rural de Santa Maria, produtores, técnicos e público em geral. Todas as vagas foram preenchidas.

Durante o curso, ministrado pelo técnico agrícola e professor de Ciências Sociais, Abrelino Carlos Farias de Oliveira, os alunos aprenderão a fabricar, entre outros produtos, linguicinha, costelinha defumada e salame. A capacitação se insere dentro dos programas Pró-Ovino e Pro-Indústria, da Secretaria de Município de Desenvolvimento Rural.

O secretário adjunto do Desenvolvimento Rural, Antoniangel Zanini, explica que há uma grande produção de ovinos na região, tanto criadores comerciais (cabanhas) como pequenos produtores. “O objetivo do curso é fazer com que esses produtores agreguem valor ao produto, gerando renda”. Zanini cita como exemplo, o valor da lingüiça de ovino cobrado no mercado, que é bem superior ao da carne de gado ou de suíno.

 

Texto: Jorn. Vera Jaques