Informação produzida no mundo foi de cinco hexabytes

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 3 de novembro de 2003 as 11:27, por: cdb

Estudo conduzido pelos professores Peter Lyman e Hal Varian, da Universidade da Califórnia, revela que, em 2002, os 6,3 bilhões de habitantes do planeta geraram cinco hexabytes de informações ou 800 megabytes per capita, o suficiente para abarrotar 500 mil bibliotecas iguais a do Congresso dos Estados Unidos.

A área com maior porcentagem de armazenamento de dados foi a dos discos rígidos, que cresceu 114%, em relação a levantamento anterior, feito em 1999. O documento diz ainda que a internet foi responsável pela maior parte do fluxo de informações e que as fotos digitais estão superando aquelas produzidas pelas câmeras tradicionais.

A tendência, segundo Peter Lyman, é que a cada ano esses números aumentem significativamente, em razão de novas tecnologias de leitura de textos e exibição de imagens, como o recente Xtreme Desktop, um papel de parede desenvolvido pela pela 20th Century Fox, que permite ler notícias e assistir a vídeos, a partir da área de trabalho de um computador.