Índios debatem sobre violência com deputados

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 16 de outubro de 2003 as 12:04, por: cdb

Três deputados da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal, Orlando Fantazzini (PT-SP), César Medeiros (PT-MG) e Pastor Reginaldo (PL-BA) se reuniram nesta quinta-feira com índios dissidentes da tribo dos Xucurus de Ororobá para discutir a questão indígena em Pernambuco e o problema da violência entre as tribos. O encontro aconteceu na sede da Fundação Nacional do Índio (Funai), no Recife. 

Também participam da reunião o chefe do Serviço de Repressão a Crimes Contra os Povos Indígenas, Ormar Tavares de Melo, a ouvidora geral da República, Eliana Pinto, e os deputados estaduais Roberto Leandro (PT) e Isaltino Nascimento (PT), membros da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa do Estado.

Os índios Xucurus se dividiram em dois grupos depois do assassinato de dois índios que faziam a segurança do cacique Marquinhos, no início deste ano. As duas facções reivindicam a posse da terra no município de Pesqueira (a 215 quilômetros do Recife, no Agreste pernambucano). Os índios Xucurus dissidentes afirmam que estão sendo ameaçados de morte pelos índios do outro grupo.

A caravana da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, que chegou ontem a Pernambuco, também realizou uma audiência com a tribo dos Xucurus de Ororobá, em Pesqueira. Depois de ouvir o depoimento das duas facções, a Comissão realizará relatório que será encaminhado ao Ministério da Justiça e ao Ministério Público.