Indecisão nos EUA assusta investidores

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 22 de maio de 2006 as 11:04, por: cdb

A Bolsa de Valores de São Paulo fechou em queda acentuada nesta segunda-feira, de 3,28%, com investidores ainda preocupados com o comportamento dos juros no mercado norte-americano. Alguns analistas atribuíam as vendas na bolsa paulista às declarações do diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Rodrigo Rato, sobre as perspectivas para a taxa nos EUA.

– Lá fora  a situação está muito ruim. A única coisa que estou vendo de diferente foi o pronunciamento do diretor-geral do FMI pela manhã, quando ele falou que o Fed vai ter que continuar elevando o juro – comentou um analista.

Às 10h20, o Ibovespa perdia 3,45%, para 36.432 pontos. As blue chips Petrobras e Vale do Rio Doce cediam 3,65% e 3,47%, respectivamente.

No mesmo horário, o risco-país avançava 12 pontos, para 276 pontos-básicos. Na Europa, as bolsas também exibiam forte baixa, intensificada pela queda no preço de algumas commodities no mercado internacional.

Rato disse esta manhã que o Federal Reserve pode precisar aumentar mais a taxa de juros, dependendo de como a economia norte-americana se desenvolva.