Incursão israelense mata três palestinos em Rafá

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 10 de outubro de 2003 as 10:17, por: cdb

Três palestinos morreram e outros 20 ficaram feridos durante uma incursão do Exército israelense na madrugada desta sexta-feira contra o campo de refugiados de Rafá, no sul da Faixa de Gaza.

O ataque matou um menino de 12 anos, que foi baleado na cabeça. A identidade da vítima ainda é desconhecida. Nader Abou Taha, de 22 anos, e Mohammed Abdel Wahaba, 23, foram mortos quando um helicóptero de ataque disparou um míssil contra o bairro de Ybna. A mesma ação feriu 14 palestinos, dois gravemente.

Outros seis palestinos, incluindo uma criança, foram feridos em uma troca de tiros com as tropas israelenses dentro do campo de refugiados de Rafá.

Uma coluna com 15 tanques israelenses, apoiada por dois helicóperos, entrou nesta madrugada no campo de refugiados de Rafah, abrindo fogo no início da incursão. Outro grupo de tanques israelenses, procedente da vizinha colônia judaica de Morag, tomou posição em torno da cidade.

Testemunhas afirmaram que a operação israelense empregou mais de 60 tanques e outros blindados. Segundo uma fonte militar israelense, o ataque foi lançado para destruir túneis cavados junto à fronteira com o Egito, por onde entram as armas utilizadas pelos palestinos.

A rádio israelense informou que os contrabandistas de armas tentam trazer foguetes katiucha e mísseis terra-ar portáteis do tipo Strella para a Faixa de Gaza.